Chapada Diamantina

A Chapada Diamantina é uma região imensa localizada no coração da Bahia. Em uma área maior que a da Suíça; a zona é repleta de nascentes, rios, cachoeiras e riachos que abastecem as dezenas de cidadezinhas que ali rodeiam. As maiores cidades da Chapada Diamantina são Lençóis, Andaraí, Rio das Contas, Mucugê, Ibicoara e Vale do Capão. 

A região da Chapada Diamantina é dividida no Parque Nacional da Chapada Diamantina e na Área de Proteção Ambiental (APA) Marimbus-Iraquara. A diferença entre os dois é que o parque nacional é protegido pela UNESCO e não pode ser usado para desmatamento e construção. Já a APA é monitorada para manter a preservação e contém vários parques municipais. As distâncias entre as atrações naturais e as cidades turísticas da Chapada são grandes, assim é necessário um bom planejamento em que a contratação de um guia local é imprescindível. Além dos turistas não conhecerem a região, os lugares são de difícil acesso e perigosos.

Há 3 formas de chegar na Chapada Diamantina saindo de Salvador para Lençóis:

  •  Avião: Jeito mais rápido e confortável. Esse trajeto é realizado somente pela companhia Azul duas vezes por semana.
  • Ônibus: Um pouco mais demorado, ônibus semi-leito que sai 3 vezes por dia e tem duração de 6 horas com a companhia Real Expresso.
  • Carro: Aluguel de carro particular e vai por conta própria.

Das várias cidadezinhas da Chapada Diamantina, escolhi como base Lençóis.

Lençóis é um dos maiores municípios e cidades da Chapada Diamantina. A cidadezinha consta com uma população média de 10.000 pessoas e é tombada pela UNESCO. A história do local começa em 1840 com a chegada de um grupo de garimpeiros que vieram de Minas Gerais.

Não existe uma quantidade de dias certo para explorar a Chapada Diamantina. Com a quantidade de parques municipais e atrações naturais que tem para ver, 5 dias é até pouco para tão extraordinário que é essa região. Nesse post falarei sobre uma viagem de 5 dias completos pela Chapada Diamantina tendo como base a cidade de Lençóis.

Gostaram? Dúvidas? Deixem seus comentários aqui.                                                          Acompanhem mais fotos no instagram do Tripglobe!!!